Ironia de um Mago

O escritor Paulo Coelho resumiu, de forma irônica, o Brasil pós-golpe, juntando os fatos mais recentes do noticiário; de um lado, os procuradores se concedem um reajuste salarial 450% superior à inflação; no Executivo, o governo traça um plano para afastar servidores por seis anos, enquanto Michel Temer segue encurralado pela corrupção; "melhor, só na Coreia do Norte", pontuou; recentemente, Paulo Coelho também escreveu que o único crime hediondo no Brasil parece ser a pedalada fiscal.