Isto é poesia

A minha felicidade não é feita de sonho,
nem de romance, nem de esperança –
de nada que passa feito a fumaça.

É meu trabalho, a minha casa,
minha filha brincando na calçada
com o nariz escorrendo
e os olhos cheios de remela.

A minha felicidade não é o que quero,
nem o que espero,
mas o que vejo, o que pego.

O amor físico dos corpos,
o hálito fresco e o suor adocicado
da mulher que monta em mim
e me desmonta dentro dela.

A minha felicidade é concreta
A minha felicidade é em linha reta.

Luciano Trigo é jornalista e escritor. Autor dos ensaios literários "O viajante imóvel", sobre Machado de Assis, "Engenho e memória", sobre José Lins do Rego, escreveu também romances e contos, além de quatro livros infantis e um ensaio sobre arte contemporânea, "A grande feira". Estreou na poesia com o livro "Motivo". Como jornalista, foi editor dos suplementos "Idéias", no Jornal do Brasil, e "Prosa & Verso", no Globo, e das revistas "Leia Livros" e "Poesia Sempre". Desde 2008 assina um blog sobre literatura no portal G1, "Máquina de Escrever".